Casal Queimado

História
Será a propriedade da exploração, cuja existência é comprovadamente a mais antiga, dado que existem várias referências à mesma nos registos paroquiais da freguesia do Ramalhal, datados do século XVII.
O seu núcleo inicial (cerca de 9ha) foi adquirido no princípio da década de 70 do século passado, por Joaquim Alberto Fialho Vieira da Mota (1913 - 1995). Ao longo das décadas seguintes foram sendo adquiridas novas parcelas, perfazendo os actuais 19,5ha.

Localização
Localiza-se no extremo norte da freguesia do Ramalhal, junto da localidade de Vila Facaia, abraçando ambas as margens do rio Alcabrichel.

Ocupação
Praticamente toda a sua área se encontra dedicada à cultura da vinha. As vinhas existentes, correspondem a um misto de juventude e veterania, sendo que as mais velhas reportam ao ano de 2001 e a mais recente a 2018.
No ano de 2015 iniciou-se um processo de reconversão que ainda não se encontra concluído. Atualmente encontram-se presentes as seguintes castas:

  • Primavera
  • Caladoc
  • Alicante Bouschet
  • Syrah
  • Tinta Roriz
  • Cabernet Sauvignon
  • Touriga Nacional
  • Fernão Pires